Ella

Ella – assim mesmo, com L em dobro – foi o nome que escolhi para esse projeto tão especial!

Ella, que é forte por natureza e sensível em sua essência, que consegue sorrir e chorar ao mesmo tempo, que se entrega ao amor sem medo de se decepcionar (e quando se decepciona, ergue a cabeça e agradece por ter tido a oportunidade de conhecer esse sentimento tão sublime e que ao mesmo tempo, tira do eixo).

Ella, que é linda e sabe viver! Que corre atrás dos seus sonhos, que se entrega pelo que acredita, mas não se entrega nunca diante das dificuldades! Ella, que sorri com os olhos, que tem o dom de encantar com poucas palavras e que arranca suspiros só por ser quem é!

Como já dizia Caetano: “A sua coisa é toda tão certa, beleza esperta, Ella que deixa a rua deserta, quando atravessa e não olha pra trás”. É pra Ella, que ele diz: “Você é linda, mais que demais, você é linda sim!”.

Psssiu! Acredite! E se ainda não acredita, acho que eu posso te ajudar… 🙂

Cada mulher tem dentro de si uma beleza tão incrível e tão estonteante, que às vezes nem se dá conta disso! Nós mulheres nos olhamos no espelho todos os dias, várias vezes por dia, mas nos esquecemos de olhar no fundo dos nossos olhos e de dizer o quanto nos queremos bem!

Esquecemos que, para arrancar elogios de qualquer outra pessoa, temos antes que rasgar o verbo pra nós mesmas e declararmos, em alto e bom tom, o quanto nos achamos lindas e nos amamos!

Eu sei que a vida está corrida, que o trabalho pode estar te consumindo e que o príncipe pode ter virado sapo. Sei que você está achando que sobram uns quilinhos, que não gosta de fotografia e que talvez pense que sua “fase” já tenha passado. Mas cá entre nós: nada disso importa quando se trata de cuidar da gente!

E esse é o meu trabalho! Deixar registrado o quanto cada mulher se ama, se curte e se quer bem! É colocar em fotografias toda essa beleza que faz com cada mulher seja única, seja Ella!